VALORES

SOLIDARIEDADE

ÉTICA

TRANSPARÊNCIA

COMPROMETIMENTO COM RESULTADO

Nossa História

A Sociedade Brasileira para Solidariedade antiga Obra de Promoção dos Jovens (OPJ) tem uma história de mais de 65 anos atuando com foco na inclusão social e o estímulo ao resgate da autonomia do cidadão através de projetos e atividades. Fundada em 1952 a instituição passou por três fases decisivas na sua história:

1970
1980
2000

1970

A então OPJ atuava com o objetivo de acolher mulheres de origem humilde que vinham do interior do país em busca de melhores condições de trabalho. A OPJ fornecia para essas jovens mulheres um espaço de convivência, estímulo aos estudos para conseguirem melhor colocação no mercado de trabalho e um local seguro onde poderiam sentir-se protegidas e confiantes para perseguirem seus objetivos.

1980

A organização passou a atuar na prevenção e tratamento de jovens dependentes químicos. Após triagem com psicólogos, os jovens eram encaminhados para a Fazenda Senhor Jesus em Cachoeiras de Macacu, espaço doado para a OPJ em 1978. Na fazenda encontravam um lugar tranquilo, seguro e com profissionais especializados que orientariam o tratamento. O método de cura era baseado nas premissas cristãs de partilha e convivência, vetando qualquer tipo de medicação ou desintoxicação clínica.

2000

A instituição passou a chamar-se Sociedade Brasileira para Solidariedade. A mudança representou um redirecionamento nas áreas de atuação da organização, sempre com foco nos jovens. Educação, cultura, saúde, cidadania, capacitação profissional e geração de renda são as temáticas que temos como foco de nossos projetos e onde acreditamos estar o caminho para o progresso e o afastamento dos perigos que rondam uma vida de carências.